A NOSSA IMPRENSA o LOBO MAU e o CHAPÉUZINHO VERMELHO pela editoria

Vejam como os diferentes jornais, revistas e TVs dariam a mesma notícia sobre o caso Chapeuzinho Vermelho:

JORNAL NACIONAL (William Bonner):

“Boa noite. Uma menina chegou a ser devorada por um lobo na noite de ontem…”.
(entra Fátima Bernardes): “… mas a atuação de um caçador evitou uma tragédia”.
 

FANTÁSTICO:(Glória Maria):

” … que gracinha, gente. Vocês não vão acreditar, mas essa menina linda aqui foi retirada viva da barriga de um lobo, não é mesmo?”

CIDADE ALERTA: (Datena):

“… onde é que a gente vai parar, cadê as autoridades? Cadê as autoridades?
A menina ia para a casa da avozinha a pé! Não tem transporte público!
Não tem transporte público! E foi devorada viva… Um lobo, um lobo safado.
Põe na tela!!! Porque eu falo mesmo, não tenho medo de lobo, não tenho medo de lobo, não.”

REVISTA VEJA:

Lula sabia das intenções do lobo.

REVISTA CLÁUDIA:

Como chegar à casa da vovozinha sem se deixar enganar pelos lobos no caminho .

REVISTA NOVA:
Dez maneiras de levar um lobo à loucura na cama.

REVISTA MARIE-CLAIRE:

Na cama com o lobo e a vovó.

FOLHA DE S. PAULO:

Legenda da foto: “Chapeuzinho, à direita, aperta a mão de seu salvador”. Na matéria, box com um zoólogo explicando os hábitos alimentares dos lobos e um imenso infográfico mostrando como Chapeuzinho foi devorada e depois salva pelo lenhador.

O ESTADO DE S. PAULO:

Lobo que devorou Chapeuzinho seria filiado ao PT..

O GLOBO:

Petrobrás apóia ONG do lenhador do PT que matou um
lobo pra salvar menor de idade carente

ZERO HORA:

Avó de Chapeuzinho nasceu em Camacuã, RS.

AQUI:

Sangue e tragédia na casa da vovó

REVISTA CARAS:

(Ensaio fotográfico com Chapeuzinho na semana seguinte):
Na banheira de hidromassagem, Chapeuzinho fala a CARAS:
“Até quase ser devorada, eu não dava valor para muitas coisas da vida.
Hoje sou outra pessoa”

PLAYBOY:

(Ensaio fotográfico no mês seguinte): Veja o que só o lobo viu.
 

REVISTA ISTO É:

Gravações revelam que lobo foi assessor de político influente.

REVISTA G MAGAZINE:

Lenhador mostra o MACHADO!
 

10 Respostas

  1. Hahahahahahahahaha!³
    Eu realmente não estou espantada.
    Como cada ser humano tem sua carcaterística e tudo mais, não seriam diferentes as cousas feitas pelo homem.
    Sem falar da melhor maneira de prender a atenção do público.

    :*

  2. Meu caro vidal, fazer humor é uma tarefa dificílima e conseguistes com efeito. ótimo texto, muito divertido e, também, muito crítico. Já fui estudante de jornalismo na minha saudosa Bahia e pode ter certeza, os alunos são treinados para escrever do mesmo jeito, mas sabendo que cada linha escolhe o enfoque que quer dar. Muito bom texto e parabéns.

  3. ehehehe! E como seria a manchete do Palavreiros, meu caro Vidal? que tal:
    “Esses merdas sensacionalistas não entendem pouuurrra nenhuma dessa história!”
    “Por ignorar os escritores vivos, a imprensa brasileira continua promovendo a morte da vovozinha”

    Beijos, querido

  4. Achei muito interessante e real, pois são assim mesmo as
    manchetes.
    Gostei !
    Avani

  5. la caperuzita roja a sido cojida por el lupo…y la avuela nadie la quiere?
    c’est vraiement domage que cette jeune fille n’a pas eut de la chance de trouver un prince, ou bien un sindicaliste de la troupe de Lula…..

  6. ahahahaahahahah….os 3 comentários acima e possivelmente este tem cda qual seu perfil…assim como o texto em si sugere.
    Suave/Informativo/catedratico/romantico e bla bla bla…não necessariamente nessa ordem, é claro
    bjs em tu

  7. Meu caro Vidal.
    Bom dia.

    Se esta configuração se desse como verdadeira eu me sentiria plenamente realizado.
    Por que? Por quê veríamos aí a diversidade do noticiário.

    __________

    Aos meus olhos este texto deveria servir como aula para os alunos de jornalismo. Mas não só isso! Deveria ser discutido dentro das redações de jornais, rádios e televisões. Contudo deveria ser lido e discutido não a partir do conjunto humorístico que nele está implícito, mas a partir do conteúdo metafórico que nele há.
    A imprensa nacional, meu caro, aos meus olhos, é hoje um grandiosíssimo pastel que é empurrado goela abaixo do brasileiro. Se olharmos com os olhos de ver percebemos, claramente que, simetricamente, todas as redações parecem que obedecem a uma única pauta. Em geral não vemos no noticiário enfoques diferentes e diferenciados. Em muitos casos a composição do noticiário chega a ser o mesmo… Mesmíssimo mesmo! Sem tirar nem por.
    Ocorre-me, meu caro, com a devida licença dos “palavreiros” indicar autores que já escreveram sobre essa pasteurização da mídia: a) Alba Zaluar; b) Zuenir Ventura; c) Pierre Bourdieu; d) Giovanni Sartori; e) Dominique Wolton…

    Um grande abraço.
    João Batista do Lago

  8. A cor do chapéu da desditada menina teria algo a ver com o PT de Lula? Com o chauvinismo de Chaves? Eu, se fosse o Lobão, processava o blog por uso indevido de imagem.

  9. Versões bastante pertinentes e atualizadas.Parabéns.

  10. Hahaha!
    Bom texto!
    Depois passa lá no meu blog também!
    Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: