A CRIAÇÃO da XOXOTA poema de mario quintana

Sete bons homens de fino saber
Criaram a xoxota, como pode se ver:

Chegando na frente, veio um açougueiro
Com faca afiada deu talho certeiro. 

Um bom marceneiro, com dedicação
Fez furo no centro com malho e formão.

Em terceiro o alfaiate, capaz e moderno
Forrou com veludo o lado interno.

Um bom caçador, chegando na hora
Forrou com raposa, a parte de fora.

Em quinto chegou, sagaz pescador
Esfregando um peixe, deu-lhe o odor. 

Em sexto, o bom padre da igreja daqui.
Benzeu-a dizendo: “É só pra xixi!”

Por fim o marujo, zarolho e perneta
Chupou-a, fodeu-a e chamou-a…
Buceta!

67 Respostas

  1. Sandra Ritzel, fique sabendo que no fundo,
    todo homem é, um tanto quanto sacana!
    Em qualquer lugar do nosso mundo;
    Não se salvando seu ídolo M. Quintana!

    Você que fica a dando uma de Santinha,
    pobre seja rica, se não dá sua boceta:
    Na surdina no cantinho de sua caminha,
    Sacode um gostosa e satisfatória siririca!

  2. Linda, fiel, milionária e tarada
    A mulher perfeita e de outro planeta
    Terror da recalcada e da mal-amada
    Mais perfeita se sabe fazer chupeta
    Ideal se vem com fogo no cu e na rachada
    Não mata uma piroca no meio da teta
    Quem é contra é gay ou não sabe nada
    Será a mulher a parte estragada da boceta?

  3. SONETO DA BOCETA, CÉLEBRE POEMA DE THIAGO QUEIROZ

    A boceta! Ah, a boceta…
    Acende o pau
    Liga a punheta
    Cheira a bacalhau.

    Orifício mijador
    Pousada de língua e dedo
    Chama a porra do gozador
    Mais rápido que torpedo.

    Caralho sem boceta
    Nem ouso imaginar
    É cagar sem poder peidar.

    Perdão ao cu e à teta
    Nesta vida ainda
    Me acabo na boceta.

    1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk genial… rachei de rir!!! axu q tu eh mais tarado q o quintana rsrsrs

  4. VELHO PENIS

    OS COMPRIMIDOS CIALIS E VIAGRA:
    AMBOS, ACORDARAM O VELHO PENIS:
    NÃO EXISTE MAIS, HOMEM QUE FALHA…
    RESSUSCITARAM IGUAL FENIX!

    SEJA GRANDE E/OU APENAS “NADA NACO”,
    OS VELHINHOS SE PERDEM EM SORRISO,
    PORQUE RIJO ENTRA EM QUALQUER BURACO,
    CHORAR, NÃO MAIS É PRECISO!…

    ENTÃO, PREZADO KIMBERLY,
    O POEMA DO PENIS ESTÁ AÍ:
    AGORA, SOB FORMA DE SONETO:

    ENTÃO, REGISTRADO, AQUI FICA;
    HOMENAGEM AO NOBRE GRAVETO,
    TAMBÉM CONHECIDO POR PICA!

  5. Sandra Ritzel, já que duvida da autoria do poema “A criação da Xoxota”, apresento-lhe um poema de Manuel Bandeira, intitulado “A Cópula”, cuja autoria é incontestável! Este site, bem como você, Sandrinha, não podem prescindir de tal menção honrosa. Transcrevê-lo-ei de forma literal, “ipsis litteris”, sem nenhuma correção gramatical, respeitando a Língua Portuguesa da época do saudoso poeta. Boa leitura!

    A cópula

    Depois de lhe beijar meticulosamente
    O cu, que é uma pimenta, a boceta, que é um doce,
    O moço exibe à moça a bagagem que trouxe:
    Colhões e membro, um membro enorme e turgescente.

    Ela toma-o na boca e morde-o. Incontinênti,
    Não pode ele conter-se, e, de um jacto, esporrou-se.
    Não desarmou porém. Antes, mais rijo, alteou-se
    E fodeu-a. Ela geme, ela peida, ela sente

    Que vai morrer: – “Eu morro! Ai, não queres que eu morra?!”
    Grita para o rapaz que, aceso como um diabo,
    Arde em cio e tesão na amorosa gangorra

    E titilando-a nos mamilos e no rabo
    (Que depois irá ter sua ração de porra),
    Lhe enfia cona adentro o mangalho até o cabo.

    Manuel Bandeira

  6. ODE AO CU, POEMA DE THIAGO QUEIROZ

    Muito se fala da boceta e pouco do cu
    Tem a puta, a mãe, a freira e até o baiacu
    Poucas reconhecem o seu devido valor
    Quando o pau entra, ele pisca com fervor.

    Superestimada é a xoxota molhadinha
    Mas nada se compara ao cu apertadinho
    Quando as pregas dão aquela esticadinha
    É hora da mulher virar o “zoinho”.

    Tem cu que salva casamento
    A mulher que não dá
    Depois não venha reclamar
    O marido vai achar em outro aposento
    Pode ser num jumento ou convento.

    Esposa que não libera o orifício anal
    Marido sabe que é hora de bacanal
    Regozija-se nos braços da rapariga
    E volta tarde culpando o patrão duma figa.

    Muitas reclamam da imensa dor
    Nada que manteiga, cuspe ou K-Y não resolva
    E o cu fica feliz com tal prova de amor
    Mais dói ver o amado comer o rabo de outra na alcova.

    O pequeno, grande, grosso, fino, torto
    Com jeitinho o cu abriga
    Do pênis é o seu aeroporto
    Mulher sabida dá e nem liga
    Aproveita a elasticidade
    E libera com vontade
    Com o tempo gosta e não faz drama
    E com isso garante o marido na cama.

    Milhares de terminações nervosas a mais
    O cu reina soberano
    Uma dorzinha não é nada demais
    Substituir a vagina não é profano.

    Namorada esperta solta o “cheiroso” sem frescura
    Só quer saber daquilo e pede bis
    Sabe remexer o glúteo com doçura
    E apertar o pinto como meretriz
    Pode até ser indecente
    Mas vamos liberar o cu, gente.

  7. O Saudoso nosso e querido Mário Quintana,
    Não era velhaco: mas pelo que se denota….
    Sabia como ninguém saber a hora de ser sacana;
    Por entre quatro paredes lambia também a xoxota!

  8. Saudável é lamber xoxota
    libera endorfina
    negar é lorota
    vou cair de boca na vagina.

  9. Boceta é criação divina
    melhor que ela não há
    símbolo da sexualidade feminina
    é o que faz um homem gozar.

  10. Homem que nunca cheirou a xoxota de mulher asseada, lambeu e/ou deu aquela “fucinhada” balançando o rosto totalmente para os dois lados, não sabe o que é gostoso e como a mulher vê estrelas. Tá certo o Quintana em idealizr esse poema bacana…

  11. Até que é engraçadinho o poema, mas é vulgar e, com certeza, o Mario Quintana não assinou isto. Vale como qualquer outra manifestação mas não entrará para oa anais da literatura.

    1. Todo ser humano tem dentro de si aquela lascívia gostosa e, claro que não sai contando para as pessoas. Acho que o poema é do Mario quintana; lindo e apenas oum ode brincalhão ao orgão mais gostoso da mulher… Nelson Rodrigues e Vinicius de Morais declararam que queriam ser o autor de tão bela homenagem à suprema gloria da mulher!

  12. Muito bom e intetressante o poema.

    E eu ainda sou uma pessoa de sorte, por ser sobrinho-neto deste grande escritor que foi Mario Quintana.

  13. João Victor Alves Santos de Mendonça | Responder

    Sandra Ritzel e todos os outros sumos críticos, saibam vocês que Mario Quintana foi um dos maiores poetas eróticos de todos os tempos!
    Já que se considera uma fã tão consensa do que diz, deveria procurar saber mais sobre Quintana e sua vida!
    Sinceramente, aprecio o seu gosto, mas caso não conheca, procure saber antes de julgar!

  14. Quem for contrário é careta…
    Principalmente a “Rapunzel:”
    Homem nenhum resiste à buceta,
    Fique sabendo disso S. Ritzel!

  15. Sandra Ritzel, não seja tão inflexível! O poema é bem criativo, inteligente e atemporal. Retrata com maestria o conspícuo órgão sexual feminino. Pesquisei diuturna e incansavelmente a autoria de tal composição, que está nos anais da Literatura nacional. De fato, o poema, realmente, foi composto por Mário Quintana!! Obtive a comprovação cabal depois de analisar minuciosamente a árvore genealógica de suas obras e de seus alfarrábios, o seu estilo literário, os relatos de diversos parentes, a opinião abalizada de poetas contemporâneos e a sua vida boêmia. Dessa forma, resta inconteste a sua autoria. Portanto, reiterando, Mário Quintana, de forma acachapante e insofismável, é o único e verdadeiro autor da obra-prima que se intitula: “A criação da xoxota”. Quintaninha teve a brilhante ideia de compor tal marco literário depois de uma foda maldada, vulgo broxada, com a meretriz francesa -radicada no Brasil- Eugene, no cabaré La Poison. Relendo os manuscritos do poema, constatei que a última estrofe, no original, rezava o seguinte: “Por fim, o Capeta, intrometido e bem picareta, apelidou-a de boceta”. Contudo, em virtude da revolta gerada pela transa malfadada e pela dor moral de virilidade pífia, Mário resolveu adicionar uma pitadinha mais popular, picante e maledicente. Inclusive, por causa desse poema, muitos críticos literários reivindicam o Nobel de Literatura em favor de Mariozinho, que deve ser laureado, pelo menos, no âmbito moral. Outros críticos, mais efusivos e entusiastas, asseveram que a simples feitura desse poema torna Mário Quintana o irmão mais novo de Deus… Logo, Sandrinha Ritzel, abra a sua mente, tarado também é gente!!

    1. MATOU A PAU (LITERALMENTE) COMO POEMA SONETO DE MANUEL BANDEIRA). PARABÉNS!

      1. Obrigado, amigão. Infelizmente, vivemos um tempo de veadagem (homoafetividade), incentivado e propagado por boa parte das mídias escritas e televisivas. Cabe a você, a mim, ao Manuel Bandeira, ao Mário Quintana e a tantos outros, como adoradores da boceta, divulgarmos e valorizarmos o que mais faz o homem feliz. Não somos fiscais de cu, mas é uma lástima trocar uma xoxotinha por uma rola no rabo. Com a onda do politicamente correto, há quem pense que achar ruim é preconceito. Mas a verdade é que a opinião dos heterossexuais deve ser respeitada!! Tal como a água, vagina é vida!

  16. A poesia brasileira resume-se no antes e depois de “A criação da xoxota”, obra-prima de Mário Quintana. Fernando Pessoa, Pablo Neruda e Vinícius de Moraes choram em seus túmulos por não terem podido compor tal marco na história da Literatura. Mário Quintana soube, de maneira perspicaz, arguta e genial, dissecar a alma da vagina, percorrer os meandros da vulva e desvendar os segredos do nascimento do órgão sexual feminino.

  17. É dele sim! Fui amigo dele.Ele fez esse poema depois de uma noite no puteiro…

  18. E O QUE TEM HAVER SE TIVER SIDO ELE O FEITOR DESSE POEMA..?? ELE ERA UM SER HUMANO, HOMEM COMO QUALQUER OUTRO, COM SEUS DEVANEIOS E TARAS, E SE ELE TIVER FEITO, ISSO NÃO COLOCARÁ A OBRA DO POETA QUE ELE FOI EM XEQUE, POUPEM-ME SER UMA PESSOA CORRETA NÃO QUER DIZER QUE EU NÃO POSSA DAR MEUS DESLIZES AINDA MAIS NO QUE ELE SABIA FAZER DE MELHOR….. :/

    1. Lamentável! Lamento ter que ler tanta besteira! Quintana era um poeta de altíssimo nível. Lamento e muito a falta de sensibilidade e respeito ao grande poeta.

      1. Sandra Ritzel, não seja tão inflexível! O poema é bem criativo, inteligente e atemporal. Retrata com maestria o conspícuo órgão sexual feminino. Pesquisei diuturna e incansavelmente a autoria de tal composição, que está nos anais da Literatura nacional. De fato, o poema, realmente, foi composto por Mário Quintana!! Obtive a comprovação cabal depois de analisar minuciosamente a árvore genealógica de suas obras e de seus alfarrábios, o seu estilo literário, os relatos de diversos parentes, a opinião abalizada de poetas contemporâneos e a sua vida boêmia. Dessa forma, resta inconteste a sua autoria. Portanto, reiterando, Mário Quintana, de forma acachapante e insofismável, é o único e verdadeiro autor da obra-prima que se intitula: “A criação da xoxota”. Quintaninha teve a brilhante ideia de compor tal marco literário depois de uma foda maldada, vulgo broxada, com a meretriz francesa -radicada no Brasil- Eugene, no cabaré La Poison. Relendo os manuscritos do poema, constatei que a última estrofe, no original, rezava o seguinte: “Por fim, o Capeta, intrometido e bem picareta, apelidou-a de boceta”. Contudo, em virtude da revolta gerada pela transa malfadada e pela dor moral de virilidade pífia, Mário resolveu adicionar uma pitadinha mais popular, picante e maledicente. Inclusive, por causa desse poema, muitos críticos literários reivindicam o Nobel de Literatura em favor de Mariozinho, que deve ser laureado, pelo menos, no âmbito moral. Outros críticos, mais efusivos e entusiastas, asseveram que a simples feitura desse poema torna Mário Quintana o irmão mais novo de Deus… Logo, Sandrinha Ritzel, abra a sua mente, tarado também é gente!!

      2. Sandra Ritzel, já que duvida da autoria do poema “A criação da Xoxota”, apresento-lhe um poema de Manuel Bandeira, intitulado “A Cópula”, cuja autoria é incontestável! Este site, bem como você, Sandrinha, não podem prescindir de tal menção honrosa. Transcrevê-lo-ei de forma literal, “ipsis litteris”, sem nenhuma correção gramatical, respeitando a Língua Portuguesa da época do saudoso poeta. Boa leitura!

        A cópula

        Depois de lhe beijar meticulosamente
        O cu, que é uma pimenta, a boceta, que é um doce,
        O moço exibe à moça a bagagem que trouxe:
        Colhões e membro, um membro enorme e turgescente.

        Ela toma-o na boca e morde-o. Incontinênti,
        Não pode ele conter-se, e, de um jacto, esporrou-se.
        Não desarmou porém. Antes, mais rijo, alteou-se
        E fodeu-a. Ela geme, ela peida, ela sente

        Que vai morrer: – “Eu morro! Ai, não queres que eu morra?!”
        Grita para o rapaz que, aceso como um diabo,
        Arde em cio e tesão na amorosa gangorra

        E titilando-a nos mamilos e no rabo
        (Que depois irá ter sua ração de porra),
        Lhe enfia cona adentro o mangalho até o cabo.

        Manuel Bandeira

  19. kkkkkkk…Kimberly..vc queria saber a do pênis…certa vez as mulheres se revoltaram e pediram uma reunião com um anjo pra levar 3 solicitações a Deus. Primeira…que a mestruação fosse de 3 em 3 meses. Segundo…que os homens fossem mais compreensivos e parceiros…Terceira…que o pênis fosse um orgão mais bonito. Uma semana depois veio a resposta…sobre a Mestruação deferîdo, sobre a parceria continua em estudo…agora pênis mais bonito…INDEFERIDO…se feio e desarrumado desse jeito..a mulherada..ja chupa…pula em cima…pega e balança…imagina como seria…

  20. Mario Quintana? Certeza?

    1. Silvia: não é do
      Mario Quintana!!!!!! Não é mesmoooooooo!!!!!!!!!!!

      1. A poesia brasileira resume-se no antes e depois de “A criação da xoxota”, obra-prima de Mário Quintana. Fernando Pessoa, Pablo Neruda e Vinícius de Moraes choram em seus túmulos por não terem podido compor tal marco na história da Literatura. Mário Quintana soube, de maneira perspicaz, arguta e genial, dissecar a alma da vagina, percorrer os meandros da vulva e desvendar os segredos do nascimento do órgão sexual feminino.

  21. Mas que sacanagem é essa, hein, dos editores desse blog?? Pelo visto, carecem de ética e respeito. Essa poesia , chula, baixo nível, jamais poderia ser de um poeta genial e terno como foi o gaúcho Mário Quintana . Muito lamentável, senhores !! Aqui vai o meu mais veemente repúdio a esse acinte e achincalhe contra a memória do maior poeta gaúcho!!!

    1. Carlos!!!!
      Tens razão!!!! Obrigada pelo comentário! Já pedi para tirarem o nome do poeta mas não sou atendida!!!!!!!

  22. Não é do Mario Quintana!!!!! Por favor, tirem o nome do poeta!!! Conheço a obra dele!!! Ele era genial!!! Não ia escrever um texto como este!!!!! Péssimo texto, deselegante!!!!

    1. ODE AO CU, POEMA DE THIAGO QUEIROZ

      Muito se fala da boceta e pouco do cu
      Tem a puta, a mãe, a freira e até o baiacu
      Poucas reconhecem o seu devido valor
      Quando o pau entra, ele pisca com fervor.

      Superestimada é a xoxota molhadinha
      Mas nada se compara ao cu apertadinho
      Quando as pregas dão aquela esticadinha
      É hora da mulher virar o “zoinho”.

      Tem cu que salva casamento
      A mulher que não dá
      Depois não venha reclamar
      O marido vai achar em outro aposento
      Pode ser num jumento ou convento.

      Esposa que não libera o orifício anal
      Marido sabe que é hora de bacanal
      Regozija-se nos braços da rapariga
      E volta tarde culpando o patrão duma figa.

      Muitas reclamam da imensa dor
      Nada que manteiga, cuspe ou K-Y não resolva
      E o cu fica feliz com tal prova de amor
      Mais dói ver o amado comer o rabo de outra na alcova.

      O pequeno, grande, grosso, fino, torto
      Com jeitinho o cu abriga
      Do pênis é o seu aeroporto
      Mulher sabida dá e nem liga
      Aproveita a elasticidade
      E libera com vontade
      Com o tempo gosta e não faz drama
      E com isso garante o marido na cama.

      Milhares de terminações nervosas a mais
      O cu reina soberano
      Uma dorzinha não é nada demais
      Substituir a vagina não é profano.

      Namorada esperta solta o “cheiroso” sem frescura
      Só quer saber daquilo e pede bis
      Sabe remexer o glúteo com doçura
      E apertar o pinto como meretriz
      Pode até ser indecente
      Mas vamos liberar o cu, gente.

  23. eh do mario quintana sim ¬¬

    1. Não é do Mario Quintana!!!!!! Não é mesmo! Conheço a obra dele! Conheci ele!!!! Ele jamais escreveria um texto tão vulgar!!!!!! Tenho as obras completas!!! Sei muito bem o que estou falando!!!!! E já comuniquei a agência literária e família do poeta para adoção de providências!!!!!!!!

  24. Hum… Se é do Quintana ou não não importa! E olha que quem escreve adora uma xoxota, raspadinha, cabeludinha, com desenhos etc.
    O mundo sem xoxotas e suas donas seria um mundo sem graça!

  25. Isso é do Quintana mesmo???

    1. Não é do Quintana!!!!!!!!!

  26. Quem conhece a obra de Mário Quintana, sabe perfeitamente que a poesia não é sua. Não tem o estilo e a métrica de Quintana.

  27. Belo texto, mas não acredito que seja do Quintana. Pra mim é mais um desses textos apócrifos que circulam pela web, onde as maiores vítimas são o Millor, o Verissimo, o Jabor e outros. Mas q é legal, isso é………………….

  28. Que poema mais engraçado, não conhecia esse lado pornógrafico de Quintána, é muito massa!! Faça mais desses em.

  29. mario roberto ferreira | Responder

    MÁRIO QUINTANA É UM POETA de alma boemia.sabia como ninguem tradzir o inconciente popular.
    poderiamos criar toda quinta,O QUIN -TANA NA NETE….SO POEMAS PICANTE!
    MÁRIO ROBERTO FERREIRA
    30 030 2010

  30. adoro mario quintana essa da xoxota é divina e real

    1. Desculpa, então vc não adora Mario Quintana! Se adorasse teria certeza que ele jamais escreveria algo tão vulgar….. Texto horrível.

  31. Acjhei o poema sensasional e criativo!
    Fiquei curiosa em saber se é mesmo Quintana ou se é mais um poema atribuído ao ilustre poeta, não sou , nem de longe, conhecedora de toda a obra do Quintana,mas confesso que no puco que li não havia visto nada parecido.
    Fico agradecida pela atenção.
    E parabéns pelo espaço.
    Margot.

    1. Não é do Quintana!!!!!

  32. sensacional!!
    em oitavo ,chegou a industria e deu-lhe frescor, com sabonetes , cremes de alto teor…
    Pra cima rapazes, vamos comê-las..

    flavio padiha

    1. Palavras sábias…

  33. Mto bom!! Quintana é genio, namoral! sahsauaushuahuasuahshasuuasa

    Genial!

  34. …Quintana ?…em que livro está ?

    1. Danilo: não foi escrito pelo Quintana!!!! Ele jamais escreveria algo assim!!!!! Tenho certeza mais do que absoluta!!!! Conheço a obra do poeta!!!!!!

  35. Estou pensando seriamente em trabalhar o poema em sala de aula! kkkkkk Que vcs acham??

    1. Acho bem didático. Países de primeiro mundo atestam que crianças que entram em contato com a sexualidade de forma precoce são capazes de evitar gravidez indesejada, coito interrompido, aborto ilegal, piolho do chato, blenorragia, hpv, “sexo nas coxas”, xvideos, nudevista, xhamster, porntube, redtube e brasileirinhas. Como eu gostaria de que aquela professora de redação do Ensino Fundamental tivesse me iniciado na nobre arte da manipulação de xoxota… Triste e nostálgico!!

  36. Caracaa adorei os dois tanto o da xoxota qnto o da origem di mênstruoo o que eu achei ruim é por que é q esses dois a gente não aprende na escola ein??”?”kk pq será ~^

  37. Ótima!
    Vocês precisam ler “A origem do mêstruo”, de Bernardo Guimarães!
    Inusitado..

  38. sandra, aqui é o editor. vc faz sua crítica, com todo o direito, e eu tentei entrar em contato com vc através do email que deixou, resultado: o email é falso, não existe. se vc quer continuar argumentando no anonimato comigo não terá chance, mas se vc quer realmente me ajudar a resolver esta questão entre em contato comigo através do email do site. enquanto isto não ocorrer seus comentários continuarão sendo deletados.

    jb vidal
    editor

    1. Editor!!!!! Exclua o nome do Quintana!!!!!! Este texto não foi escrito pelo
      Quintana!!!! Aliás isso nem chega perto do talento do poeta!!!!! Por favor!!!!!! Um site sério deveria publicar um obra constando o livro e editora!!!!! Por favor!!!!!!!!

  39. O ruim é apenas o ODOR.

    ”Um dia me disseram que uma peludinha é como chupar uma manguinha.”

    Frase que veio na cabeça…

    rsrs

  40. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ai meu ovoooooooooooooooooooo

    muito roxxx

  41. SÓ O RONALDINHO É QUE NÃO GOSTA…SE BOBEAR ATÉ O PADRE VOADOR USAVA UMA DE VEZ EM QUANDO….

  42. oieeee ushushushushushush…..pq vcs falam tão mal assim dela eim?só queria saber …..vai ver que é porque ñ tem nada para fazer né……

  43. Ótimo! MARAvilhoso!

    1. realmente o poema é maravilhoso… bom mesmo é pensar como vc se deliciou com o poema!

  44. ai, kinberly,
    boa oportunidadede vc começar a pensar em ser poeta

  45. Mana( Kimberly), nem sei se hj em dia me é tão estranho assim, rsrs, e o dedão, nem sempre é gigante, mas com certeza é MARAVILHOSO, e merece uma bela referência como esta do Quintana, sim,😉.
    Bjus.

  46. kkkkkkkkkkkkkk morri!
    Cade a criação do penis? aquela coisa estranha que mais parece algum marisco ou um dedão gigante? aoieoeiaoeiaoejhoiajeaoioie

    ;D

    1. Não se esqueça de que você nasceu de um pênis bem duro…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: