GARCIA de GARCIA comenta em carta de LAURITA MARTEL

 

COMENTÁRIO:

 

GARCIA DE GARCIA

Inesquecível Laurita,

Empezo a acreditar que las cosas não acontecem por acaso ou que haja um regente general sobre todos nossotros, o que não me agrada mucho pois me sinto, quiçás, um marionete de algo invisibile. Te peço desculpas por escrivir mesclado com português e muchas veces errado pois como sabes, e te acuerdas, sou uruguayo e estou em Brasil hace pocos años. Faço grande esforço para escrever em português, já falo bem, por isso estoi escrevendo poesias em português como forma de aprender mejor. Desde aquela vez em que me encontré contigo, a lo mejor, nos encontramos por obra dos deuses mi deseo de vivir em Brasil jamás se apagó. Tinha em meu pensamento um dia encontrar-la. Muchas veces sonhei contigo, de cigana, linda cigana, que ha cometido um único erro o de não ler nuestras mãos e ver nuestro relacionamento cerquita do fim quando imaginávamos que seria eterno. Dias felices! Mucho felices! Te agradeço para sempre. No se sinta culpada de nada. Recordo com muita alegria, ahora más, as vezes em que dava um beso atrás de sua orelha, que tenia um perfume mui hermoso. Recordo também de tudo que escrevistes a cerca de nós, porém o que mais se adelanta a mis pensamientos som las noches…eran o paraíso…el céu, teus dedos longos a mi acariciar la face, mi vontade de morde-la de entrar no teu corpo e encontrar com tu alma e aí si decir-le lo quanto te amava! Mi querida Laurita. No creo que seja verdade que te encontré. Que poderei ver-la, toca-la, besar-la! Diós que estou a decir? Não sei como te encontras ahora. Casada? Soltera? Hijos? Diós no! Pero uma mulher como tu jamás quedaria sem um hombre, caliente como eras, indomable, e com um corpo escultural que atraia las atenciones incluso de mulheres.
Mi querida Laurita, no me vou estender porque era para ser um comentário apenas me identificando em tu carta “abierta”. Porque hicieste assim? Mandaste publicar nel blog? Estou curioso para saber-lo. Indomable todavia! No vou deixar mi email porque otras pessoas podrán escrever como se fuera tu. No sé como me comunicar contigo particularmente. Vamos pensar una manera. No deixes tu datos aqui em la net.
Besos y más besos em todas las partes e em la orilla.
Sempre teu

Garcia de Garcia

 

leia a carta de Laurita Martel: AQUI

 

NOTA DO EDITOR: a leitora Laurita Martel pediu que fosse postado o comentário/carta de Garcia de Garcia pelas razões constantes na carta que ela enviou a ele via site e constantes do comentário dele. alertamos os leitores que não se trata de invasão de privacidade, pelo editor, até porque os comentários são públicos. os emails com tal solicitação encontram-se arquivados.

Uma resposta

  1. Que lindo! vejam que a internet opera coisas boas como esse reencontro casual. Vou ajudar vcs a resolverem essa questão, que é bem simples: um envia o endereço de email para o editor e ele repassa hahahaha, simples não? Mas eu sou mais a posição da Laurita, que pediu para publicar no blog a sua carta. Legal mesmo. Eu já estou aqui com ciúmes da Laurita pq ela reencontrou esse HOMÃO charmoso, com sotaque elegante. Pois então continuem se escrevendo pelo blog pq a gente quer saber como isso vai terminar. Mas pelo amor de deus não transformem as cartas em uma novela global. Estou curiosa e com ciúmes. hahahahaha

    Beijos para os dois, para o Garcia beeeeeeem demorado,

    PAULA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: