DIÁRIO DE UM MALDITO de solivan brugnara / quedas do iguaçu.pr

Manhã Abro o espelho

do banheiro

indeciso, sem saber

se passo no pulso

perfume ou lâmina.

.

Tarde Cuspo, só para ver minha

saliva virar nuvem.

.

Noite Excitado, vejo o contorcionismo elegante

da puta perfumada aparando as unhas.

Como pombo vendo milho,

sinto vontade de engolir as unhas.

.

Madrugada Bares fechados

colho saborosas

guimbas orvalhadas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: