Manifesto cultural para o Senhor Prefeito Luciano Ducci – por ana cláudia decker / curitiba

Caríssimo Senhor Prefeito Luciano Ducci:

É com muita tristeza em meu coração que venho pedir um pouco mais de cuidado e atenção com os artistas, músicos curitibanos.

É absolutamente revoltante a forma como somos tratados na “cidade modelo”, acredito que a propaganda que a prefeitura faz em Curitiba seja no mínimo hipócrita.

Uma cidade cujas estatísticas de violência, poluição e abuso de poder estão entre as mais altas no país, não vai ser nunca uma capital modelo para ninguém. Acredito que para ser considerada uma cidade civilizada e moderna a Cultura e a Educação devem vir em primeiríssimo lugar, o que não é ocaso de Curitiba.

Como curitibana, cidadã que paga em dia seus impostos e leva multa no trânsito sem ao menos sair de casa, acho que tenho mais do que direito de questionar a conduta da prefeitura da capital paranaense e me manifesto contra sua atitude, seu abuso de poder em relação a todos os artistas dessa cidade fria e violenta.

Como pode a Guarda Municipal, o DIRETRAN, a Polícia Militar, a Polícia Civil entre outros oficiais, serem tão eficazes no fechamento dos bares e casas de cultura da “cidade modelo?”

É realmente um absurdo ver existe tanta eficiência na interdição de uma casa de tradição como a Sociedade 13 de Maio em pleno domingo, às 3h da manhã, privando os cidadãos curitibanos de se divertirem com música, dança e alegria, tirando, com essa atitude, o emprego de inúmeros e bons músicos. Já não basta o que foi feito com o Beto Batata? Quem mais vocês vão “pegar”??!!

Senhor prefeito, Curitiba é uma vergonha para nós curitibanos, pois enganar aos que estão de fora dizendo-lhes  que esta é uma cidade de primeiro mundo, é fácil, mas só nós que moramos aqui sabemos que tudo isso é uma grande mentira, e isso me faz sentir muita vergonha de ser filha de uma cidade tão bela,  mas com governantes que não passam de “mãe  desnaturada”  para com seus filhos.

Sim, senhor prefeito, somos órfãos, pois mais importante do que fechar as casas noturnas de Curitiba e tirar o emprego de tantos músicos, é olhar para o consumo absurdo de craque no centro da cidade, é arrumar ruas importantes da Capital e completamente esburacadas, símbolos de vergonha para quem mora aqui. Exemplos? R. Visconde do Rio Branco, R. Engenheiro Rebouças, R. Brigadeiro Franco, sem contar as ruas dos bairros mais afastados como o Tarumã,  Parolim, Boqueirão, Mossunguê, além das inúmeras ruas da periferia.

Acho também que é mais do que necessário usar de toda essa eficiência para a violência em nossa cidade que a cada dia cresce mais, as pessoas são assaltadas e agredidas o tempo todo. O trânsito está cada vez pior. E o trem, no meio da cidade modelo, produzindo poluição sonora e ambiental,  infernizando a vida das pessoas que moram próximas à linha férrea, além de atrapalhar mais ainda esse trânsito caótico…

Outro aspecto importante é que quando somos assaltados, agredidos ou algo parecido: não temos nenhuma proteção, às vezes a polícia nem chega ou chega quando a tragédia já aconteceu.

Senhor prefeito, não adianta nada organizar uma “Virada Cultural” uma vez ao ano ou arquitetar projetos pela Fundação Cultural, onde só entra quem faz parte da “panela”.

Nós, músicos, precisamos comer, pagar as contas, cuidar de nossos filhos e necessitamos trabalhar nos bares dessa cidade. Somos nós que levamos um pouco de alegria e diversão para os curitibanos, para os que vem de fora, para os turistas. São os curitibanos que se matam de trabalhar, pagar contas, impostos e tudo o mais para manter essa “cidade modelo” de que tanto o senhor se orgulha.

Por favor, senhor prefeito, chega de hipocrisia, chega de mentira e de tanta falação. Aja de verdade e como político sério nas questões que realmente são fundamentais para nossa civilização. A atitude da Prefeitura é feia, incoerente, vergonhosa para uma cidade que se diz  modelo, capital de primeiro mundo, entre tantas outras mentiras.

O senhor e toda a sua equipe estão tirando o emprego de muitos músicos. E com isso estão tirando a comida das mesas de muitas pessoas, dentre as quais, crianças. Vossa excelência está acabando com a vida cultural da cidade. Nós, músicos, estudamos muito, trabalhamos muito para levar um pouco de Arte às pessoas e em pleno século XXI ainda existem políticos que não nos valorizam.

Curitiba só valoriza seus artistas quando eles saem daqui e vão para outras cidades e lá são reconhecidos e isso, senhor prefeito, é uma VERGONHA para uma cidade que se denomina cultural, moderna, modelo de primeiro mundo. Em cidade de primeiro mundo, senhor prefeito, os artistas são realmente respeitados, principalmente por seus governantes.

Agindo dessa forma, senhor prefeito, o senhor pode até tirar nosso emprego, mas não pode nos calar, pois nós, da classe artística, somos muitos e temos vozes e, mais do que isso:  temos um público imenso ao nosso lado!

Por favor, Senhor Prefeito, faça jus ao nome e à fama que Curitiba tem lá fora, agindo com justiça com os filhos dela, aqui de dentro!!!!!!!!!!

Lamentavelmente,

Ana Cláudia Decker.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: