Não passarão! – de ademar adams / cuiabá

Não passarão!

 

Os corruptos não podem vencer esta,

Fazendo do cê, do ene e do jota,

No mundo da Justiça letra morta,

E do erário, um bacanal, uma festa.

 

A toga não pode ser a casamata,

De quem não é digno de trajá-la.

Patriotas, preparemos a batalha

Ou a nação o corrupto arrebata.

 

A guerreira levantou a sua voz,

E não segui-la nesta hora atroz,

É ceder o Brasil à empulhação.

 

Em frente passionária corregedora!

Branda a tua espada moralizadora!

À luta! Viva o Brasil! Não passarão!

Anúncios

Uma resposta

  1. Bravo, Ademar!
    Compartilho sua indignação e aplaudo a poesia combatente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: