ROUBARAM UM PÓLO AO AMOR – de rosa DeSouza / ilha de santa catarina.sc


Ao amor um pólo foi roubado,

por ganância, medo, malícia

e escondido com muita perícia!

Povos – nalguns a mulher

apenas tinha de agradar

sem nada mais para receber e criar.

Noutros, a gueixa vivendo à parte,

deveria recitar poesia,

saber filosofia e arte.

O yang se enganava

julgando que aumentava

enquanto o yin diminuía.

O ocidente jazia.

 A sensualidade

a fogueira queimava,

no oriente apedrejava,

enquanto na escola…

apenas o homem aprendia.

Um pólo ao amor se roubou.

O homem viver fingia,

denegrindo sexo

até em filosofia.

No humano elemento

a natureza morreu.

Adão continuou

incompleto.

Darwin afirmou

a mulher não ter alma

e o amor

tem sido dor,

apenas embriagado poeta,

canção

boêmia.

Utopia.

Só na anima homossexual

timidamente sobrevivia,

como a mulher – sem liberdade.

Cheio de culpa e medo

via  pecado

naquilo que o pedófilo dogma

queimar e torturar queria.

Mulher era ressalva

de pouca duração,

camélia,

suspiro,

insatisfação.

Mas o que cai no chão

é o estrume do que começa.

Como a prostituta do templo

depois de ter sido deusa,

não poderia morrer,

porque é a própria natureza.

Enquanto a folha cai

a árvore aumenta

em contínuo crescer.

O titã está moribundo.

Eva quer viver;

Sem pólo a terra não é mundo

e a História só sofrer.

Um dia… o gênio da maldade

perguntou:

Para quê dividir o que o pai ganhou?

A mulher deixou de ter herança.

Deusas enterradas na lembrança.

O novo dogma castigava com dor

enquanto o útero enchia de tumor.

Ao amor o ódio foi polarizado,

mas o oposto do amor é medo.

O falo poderoso foi louvado,

torres de igreja foram crescendo.

Mas nem toda a mulher rendeu homenagem

ao enjeitado direito de suas filhas.

Devido a algumas impensável coragem

posso hoje escrever estas linhas.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: