amanheceu – de omar de la roca / são paulo.sp

amanheceu

 

 

.

Amanheceu um dia escuro,depois da chuva da noite.
E eu hesitei antes de olhar pela janela.
Medo do escuro,da chuva,do desanimo.
Mas abri as cortinas e olhei para o céu.
Havia um corte nas nuvens por onde escapava
um pouco de azul.Um pouco mais que um pouco.
Mas aquela fresta me disse tudo.
Ha dias escuros,onde nem um pedacinho de azul aparece.
Mas não hoje.Havia um corte azul,como uma cicatriz
numa face de fotografia.
E esse azul me encantou e me deu esperança de luz.
Depois,o sol saiu entre entre azuis e brancos
sorrindo meio encabulado entre as nuvens.
E eu fingi que ele brincava de esconde esconde comigo.

 

Anúncios

Uma resposta

  1. De pura magia, meu muito caro amigo Omar. De magia pura. Espero que o dia do teu aniversário tenha sido de muita paz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: